O Globo – Bolsonaro destrói caminhos para construção de prestígio do Brasil

Artigo publicado pelo jornal O Globo em 19 de agosto de 2020.

Apresenta alguns dados iniciais da pesquisa de doutorado pelo King’s College London em parceria com o IRI/USP. Indica como a percepção de caminhos para construção do prestígio internacional contrasta com o que o governo do Brasil tem feito de fato desde 2019.

Abaixo, alguns dos trechos do texto:

Ao se tornar epicentro da pandemia do novo coronavírus em meio a uma crise política e a uma postura presidencial de negação da ciência, o Brasil viu nos últimos meses sua imagem internacional atingir um dos piores patamares da história. Para além dos problemas internos, que pioram a reputação do país, o governo de Jair Bolsonaro parece interessado em destruir qualquer alternativa de caminho para a construção e ampliação do prestígio internacional do Brasil.

Esta avaliação é parte dos resultados da pesquisa de doutorado (ainda inédita) que desenvolvo no King’s College London (em parceria com a USP). Ela se baseia em entrevistas com 94 membros da comunidade de política externa dos cinco países que são membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU — ou seja, as maiores potências do planeta.

Ao analisar o nível de reconhecimento da importância do Brasil para essas potências, é evidente que o país não tem muito poder militar ou econômico, e que soft power (poder de influência sem uso da força) tem alcance limitado. Assim, seria necessário e possível usar caminhos alternativos para ampliar o status do Brasil no mundo. Esses caminhos é que estão sendo destruídos pelo atual governo.”