O pior do mundo

Artigo publicado na revista Problemas Brasileiros em 02 de fevereiro de 2021

Brasil, México e Colômbia ficaram nos três últimos lugares do ranking de melhores respostas do mundo à pandemia. Nesses países, os governos não adotaram políticas competentes e com base na ciência, não houve uma política de defesa de isolamento social nem de testagem da população e as fronteiras permaneceram, a maior parte do tempo, abertas. Ações equivocadas que deixam o vírus livre para continuar a infectar e matar milhares, enquanto a vida se mantém longe da normalidade e a economia não vê perspectivas de recuperação.